sábado, 25 de fevereiro de 2012

ANDAR DE BICICLETA AJUDA A MANTER O SISTEMA VASCULAR EM DIA



Médico explica benefícios dessa atividade física e dá dicas de como usar a bicicleta



Andar de bike virou tendência. Está na moda andar de bicicleta, além de ser uma excelente opção de lazer, faz bem a saúde e ao meio ambiente, tanto que já virou prescrição médica para quem quer hábitos saudáveis para o corpo e para mente.

Segundo o Dr. José João Lopes, angiologista e cirurgião vascular, quando a pessoa anda de bicicleta consegue fortalecer a musculatura das pernas, devido a força que ela exerce sobre os pedais, fator que contribui para que o físico fique mais bonito e vigoroso.

“Andar de bicicleta além de diminuir a emissão de poluentes, beneficia o sistema respiratório, funciona na prevenção de problemas cardiovasculares e colabora para a manutenção do peso ideal, melhora a função respiratória, reduz a ansiedade, depressão, regulariza os níveis sanguíneos de colesterol e triglicérides e ainda ajuda a ter um sono melhor e maior equilíbrio emocional”, afirma Dr. José João.

O médico elencou os benefícios que a bicicleta proporciona e dicas de uso:

- Aumento da resistência cardiovascular (resistência e a capacidade de captar, extrair e distribuir oxigênio pelo sistema cardiovascular, assim como recolher substâncias resultantes do metabolismo muscular durante atividades repetitivas por períodos prolongados). O aumento da resistência causa queda na pressão arterial, diminui a taxa de mortalidade cardiovascular, aumenta a densidade óssea e mantém valores de consumo de oxigênio.

- Aumento do gasto calórico (perda de peso).

- Fortalecimento dos músculos dos membros inferiores, como o da panturrilha, que é o nosso segundo coração ou coração venoso periférico.

- Aumento da VO2 MÁXIMA, que é a capacidade de captação máxima de oxigênio, que é um índice que mede a resistência.

Dicas de Bom Uso:

Altura do banco (o ângulo do joelho em flexão deve ser de 5 graus quando o pé está em extensão máxima no pedal). A dica é ajustar o banco na altura da crista ilíaca.

Três fases:

-aquecimento;
-exercício e
- volta a calma.

Frequência de três vezes por semana.

Duração de 20 a 40 minutos por dia, dependendo da condição física e idade.

Adaptação progressiva de força, de acordo com cada indivíduo.

A bicicleta já se inseriu no cotidiano dos brasileiros, serve não só como lazer, mas também como alternativa de transporte, dividindo o espaço com carros, ônibus e caminhões. Porém, para sair pedalando por aí, é preciso estar atento aos acessórios e equipamentos de segurança durante o trajeto, para ter um percurso tranquilo, como capacete, óculos, luvas, sem esquecer que a bicicleta precisa estar equipada também.

Para não correr riscos na hora de andar de bicicleta, é importante consultar um médico, fazer alguns exames para conhecer o condicionamento e resistência e manter-se sempre hidratado.
Fonte: Site Primeira Edição (via Revista Bicicleta)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails